Sonetos de Anthero

Sonetos de Anthero

By

0
(0 Reviews)
Sonetos de Anthero by Antero de Quental

Published:

1861

Downloads:

959

Share This

Sonetos de Anthero

By

0
(0 Reviews)

Book Excerpt

br> Das turbas que me imporia o vão ruido?
Hoje deus, e amanhã já esquecido,
Como esquece o clarão de extinta chama!

Fóco, que a luz em torno não derrama,
Tal é essa ventura; éco perdido,
Quanto mais se chamou, mais escondido
Fugiu e se esqueceu de quem o chama.

Cada flor d'essa croa é um engano,
Como a nuvem das tardes ilusoria,
Como o misterio vão d'um vão arcano.

Mas croe-me tua mão a fronte ingloria,
Cinge-me tu o louro soberano...
Verás, verás então se amo essa gloria!

III.

Ignoto Deo.

Meus dias vão correndo vagarosos
Sem prazer e sem dor, e mais parece
Que este fóco intrior antes fenece
Do que brilha com raios luminosos.

É bela a vida e os anos são formosos,
E nunca ao peito amante amor falece...
Mas, se a beleza aqui nos aparece,
Outra alembra de m

Readers reviews

5
4
3
2
1
0.0
Average from 0 Reviews
0
Write Review
Be the first to review this book
L.A. Chandlar - An Art Deco Mystery Series
FEATURED AUTHOR - L.A. Chandlar is the National Best-selling author of the ART DECO MYSTERY SERIES with Kensington Publishing featuring Mayor Fiorello La Guardia and a fresh take on the innovation and liveliness of 1930s New York City. Her debut novel, The Silver Gun released in 2017, followed by the sequel, Agatha Award nominated, The Gold Pawn. Book 3, The Pearl Dagger releases 2019. As our Author of the Day, Chandlar tells us all about the first book in the series, The Silver Gun. Please give us a short… Read more